10 fevereiro 2011

Uma piada

O cara chega ao restaurante, senta-se e, acenando com o braço, diz: - Faz favor, firmeza, fineza fazer frango frito! - Pois não, com quê, cavalheiro? - Farofa, feijão e fritas. - Deseja beber alguma coisa? - Fanta. - Um pãozinho para esperar a refeição? - Faça fatiado. O garçom serve o cliente inconformado com o fato dele falar tudo com F, e volta depois que o sujeito termina a refeição. - Vai querer sobremesa? - Frutas frescas. - Tem alguma preferência? - Figo. Depois da sobremesa, ainda curioso, o garçom pergunta: - O senhor deseja um café? - Forte e fervido. Quando o sujeito termina o café, o garçom lhe faz algumas perguntas: - E então, como estava o cafezinho? - Frio, fraco, fedorento, fervido num filtro furado, formiguinhas flutuando no fundo e fazendo fofoca. Aí o garçom decide desafiá-lo a fim de testar até onde ele vai. - Qual é sua graça? (nome de batismo) - Fernando Fagundes Faria Filho. - De onde o senhor vem? - Fortaleza. - O senhor trabalha? - Fui ferreiro. - Deixou o serviço? - Fui forçado. - Por que? - Faltou ferro. - E o que o senhor fazia? - Ferrolho, ferradura, faca... ferragem. - O senhor torce por algum time? - Fui Fluminense. - E deixou de ser por que? - Fez feio. - Qual é o seu time agora? - Flamengo. - O senhor é casado? - Fui. - E sua esposa? - Faleceu. - De que? - Frio e fome. O garçom perde a calma e diz: - Escute aqui, se você falar mais dez palavras com a letra F, pode se levantar e ir embora sem pagar a conta. - Foi formidável, figura. Fazendo fiado, fácil, fácil fico freguês! O homem levanta-se e sai andando, mas o garçom grita: - Ei, espere aí! Ainda falta uma palavra! O homem responde, sem se virar: - Foda-se!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente o que achou da postagem ou conte-nos algo!